sábado, 9 de fevereiro de 2008

10 anos de saudades

Domingo dia 03/02/08 fez 10 anos da morte dos Alpinistas Mozart Catão,Othon Leonardo e Alexandre Oliveira , eles faleceram enquanto tentavam conquistar a face sul do Aconcágua pelo seu lado mais difícil.




A face sul é um aglomerado de pedras grandes como sofás que despencam a todo instante, blocos de gelo – nunca inferiores ao tamanho de uma casa e capazes de alcançar a altura de um edifício de dez andares (chamados seracs) – que podem se desgrudar inteiros e avalanches, muitas avalanches. "Naquela parede não há nada, absolutamente nada, sólido", afirma Dálio Zippin Neto, um dos cinco integrantes da expedição e um dos dois que preferiram não levar o desafio adiante. Junto com o amigo Ronaldo Franzen Júnior, Dálio permaneceu na Plaza Francia. "Escalar a parede sul é como subir no meio de gelo, pedras podres e lama", diz o alpinista Eliseu Frechou.

Segue um link sobre como foi o acidente, não postei na íntegra direto aqui, pois é uma matéria com palavras muito forte, e que toca fundo na alma de quem lê, deixo a leitura a critério de cada um:

Um comentário:

Kele disse...

For a more complete comments, I would advise you to be more detailed information, for example
here