quarta-feira, 26 de março de 2008

Livro faz ranking das montanhas mais perigosas do mundo

Chegar ao topo de ao menos uma das quatorze montanhas com mais de 8.000 metros de altitude que existe no mundo é a vontade da grande maioria dos montanhistas, mas escaladas desse tipo envolvem muitos riscos, já que o oxigênio passa a ser escasso a o ar rarefeito dificulta a respiração, além das dificuldades técnicas de muitas delas.


Annapurna é considerada a montanha mais perigosa
Foto: Ed Viesturs
As montanhas têm diferentes graus de dificuldade de escalada, mas um dos fatores para essa medição é o percentual de sucessos na ascensão desses montes. Segundo lista divulgada no livro Anécdotas de Montañas, de Julio Godoy, a montanha mais alta do planeta, o Everest, tem 8.850 metros de altitude e é a décima montanha mais perigosa do mundo, com 8,3% de mortes entre os aventureiros com resolvem subi-la. A primeira mais perigosa é o Annapurna, no Nepal, com 8.078 metros, e 40,15% de mortes dentre as 137 ascensões, ou seja, desse total, 55 pessoas morreram. Só que esta montanha tem praticamente a metade de ascensões que a segunda e a terceira colocadas, que são Nanga Parbat (8.126m), no Paquistão, com 228 ascensões e 62 mortes (27,19%), e K2 (8611m), considerada entre os montanhistas como a montanha mais perigosa do mundo, mas que na lista do livro aparece apenas em terceiro lugar, com 249 ascensões e 60 mortes (24,10%). A maioria dos montanhistas não concordam com o ranking feito por Julio Godoy, que ainda coloca o Cho Oyu, no Nepal, o quinto monte mais alto dentre os com mais de oito mil metros como o último mais perigoso do mundo, com 36 mortes, dentre as 1.713 ascensões, ou seja, apenas 2,1% de risco.


K2 é considerada pela maioria dos montanhistas como a mais perigosa
Foto: Waldemar Niclevicz

Confira lista completa de risco de ascensão das 14 montanhas com mais de oito mil metros de altitude, segundo Anécdotas de Montañas, de Julio Godoy:


1 - Annapurna (8078m): Ascensões -137, Mortes -55 (40.15%)


2 - Nanga Parbat (8126m): Ascensões – 228, Mortes -62 (27.19%)


3 - K2 (8611m): Ascensões -249, Mortes - 60 (24.10%)


4 - Manaslu (8156m): Ascensões - 240, Mortes -52 (21.67 %)


5 - Kangchenjunga (8598m): Ascensões - 18 5, Mortes - 40 (21.62%)


6 - Dhaulaguiri (8172m): Ascensões - 321, Mortes - 56 (17.45%)


7 - Makalu (8481m): Ascensões - 225, Mortes - 24 (10.67%)


8 - Gasherbrum I (8068m): Ascensões - 220, Mortes - 22 (10%)


9 - Shishapangma (8012m): Ascensões - 222, Mortes - 19 (8.56%)


10 - Everest (8850m): Ascensões - 2240, Mortes - 186 (8.30%)


11 - Broad Peak (8051m): Ascensões - 267, Mortes - 18 (6.74%)


12 - Lhotse (8516m): Ascensões - 278, Mortes - 9 (3.24%)


13 - Gasherbrum II (8035m): Ascensões – 686, Mortes - 18 (2.62%)


14 - Cho Oyu (8201m): Ascensões - 1713, Mortes - 36 (2.1%)


Fonte: www.webventure.com.br

Nenhum comentário: