quinta-feira, 29 de maio de 2008

Sherpa faz manifestação ecológica no cume do Everest

Dawa Steven Sherpa alcançou pela segunda vez o cume do Monte Everest, o maior do mundo, com 8.848 metros de altitude, na última segunda-feira, dia 26 de maio, com a expedição Eco Everest.
Junto com Apa Sherpa (que bateu o recorde de ascensões e chegou pela 18ª vez ao cume do monte), David L. Gonzalez (México), Helmut Linzbichler (Áustria), Nima Kanchha Sherpa, Ang Mingma Sherpa e Mingma Sherpa, Dawa Steven usou sua escalada como manifestação de conscientização dos efeitos do aquecimento global na montanha.
Em parceria com o Centro Internacional de Integração e Desenvolvimento da Montanha (ICIMOD, em inglês) e das Nações Unidas para o Ambiente (UNEP, em inglês), Dawa subiu o Everest em prol de seu movimento, e levou a bandeira do ICIMOD para o topo da montanha para comemorar 25 anos da instituição.
“Eu realizei meu sonho de ter o mundo aos meus pés em maio de 2007, quando cheguei pela primeira vez ao cume, mas ao mesmo tempo comecei a perceber coisas estranhas. O gelo estava derretendo e esmigalhando embaixo dos meus pés. Vários sherpas corriam para se salvar e me diziam para eu descer o mais rápido possível. Nesse dia o campo inteiro de gelo simplesmente caiu. Fiquei chocado e querendo entender o que estava acontecendo. Quando retornei pra Kathmandu, comecei a buscar respostas e todas as minhas pesquisas indicavam para os efeitos do aquecimento global”, declarou Dawa.
O sherpa quis mostrar para o mundo, com essa expedição, sobre os perigos do aquecimento na região do Himalaia, como as inundações glaciais e explosão dos lagos (GLOFs). Ele também ressaltou o conservação do ecossistema frágil da montanha.
Mês dos cumes - Além do mês de maio do último ano ter sido importante para Dawa Steven Sherpa, que foi quando ele chegou ao topo do Everest pela primeira vez, esse ano o feito se repetiu no mesmo mês, mas não foi só isso.
Dias antes de ter o “mundo em seus pés” pela segunda vez, Dawa Steven esteve no topo do Lhotse, montanha ‘prima’ do Everest, na mesma região da mais alta do mundo, e com 8.516 metros de altitude.

Nenhum comentário: