domingo, 3 de agosto de 2008

Ao menos 9 alpinistas morrem na montanha K-2 no Paquistão

22 alpinistas alcançaram o topo no sábado, 2, mas uma avalanche de gelo os atingiu durante a descida.


Pelo menos nove alpinistas podem ter morrido em uma avalanche após escalarem a segunda maior montanha do mundo, o K-2, segundo informou um organizador de expedições paquistanês.

Segundo Nazir Sabir, 22 alpinistas, a maioria estrangeiros, alcançaram o topo do K2 no sábado, 2, mas uma avalanche de gelo os atingiu durante a descida. Ele afirmou que nove alpinistas podem ter morrido e que outros três estão desaparecidos.

A maioria das mortes ocorreu na sexta por uma avalanche no ponto dos 8.611 metros, que arrasou vários alpinistas e destruiu as cordas que os mantinham conectados.

Três vítimas eram sul-coreanas, e os outros nepaleses e um sérvio, mas no domingo se confirmaram outras três mortes. "Não temos os nomes dos alpinistas mortos, mas foi confirmado que um era holandês, um norueguês e o outro francês", disse o vice-presidente da Fundação de Turismo e Aventura do Paquistão, Mohammad Akram.



Nenhum comentário: