segunda-feira, 29 de junho de 2009

A hora da alimentação durante as viagens e escaladas

.
Por Gabriela Saliba (conta com o apoio da Jasmine: www.jasminealimentos.com.br)

O que e o quanto levar de alimentos na mochila para uma viagem, são duas perguntas básicas, e que podem pesar nas suas costas, literalmente, numa caminhada. A importância de uma alimentação equilibrada é fundamental para o bom desempenho numa atividade física.

Existem alguns alimentos que têm maior importância, assim como, por exemplo, a banana passa e o damasco. Estes dois são fáceis e leves para o transporte, pois não possuem água e sua ação é direta na reposição de certos nutrientes que agem diretamente em no sistema muscular, livrando da probabilidade de uma câimbra, situação desconfortável, e que pode gerar uma série de complicações durante uma viagem.

A granola (e todos os alimentos desidratados), o mel, as sopas instantâneas, o polenguinho e o clássico miojo fazem parte do cardápio de todo o viajante. O pão árabe dura mais tempo, sem virar uma farofa; a azeitona repõe o sal e a rapadura o açúcar. Barrinhas energéticas além do açúcar nelas contido, oferecem vários nutrientes importantíssimos. Também são bem recebidos na mochila os amendoins, as castanhas de caju e do Pará e as frutas secas, além dos liofilizados.

Durante a noite, normalmente é o momento do prato quente. Se a caminhada for longa durante o dia, no macarrão podem entrar uma série de complementos, que variam de acordo com a criatividade do cozinheiro: salsichas, batatas, beterraba, abóbora, chuchu, ervilhas, PTS (Proteína Texturizada de Soja), atum, gersal.

Longas viagens - Se a viagem for longa, vale a pena fazer o tradicional chapati, um pão feito com água, sal e farinha, e que pode vir a ser incrementado com margarina e até mel.

Para os primeiros dias, as frutas que possuem mais água como a pêra, a suculenta maçã e a laranja além da cenoura e do aipo, são bem interessantes. Algumas pessoas gostam de levar shoyu (molho de soja), um excelente energético, orégano, cogumelos secos, purê de batata em pó, batata palha, farofa pronta e até feijão de preparo rápido. Geléias e requeijão cremoso podem transformar num banquete o seu lanche.

Os sacos Zip substituem os vários potinhos plásticos. Não esqueça o potabilizador de água! (o mais conhecido é o “Clor-in”, vendido em farmácias).


Fonte: http://www.webventure.com.br/montanhismo/conteudo/noticias/index/id/25639

3 comentários:

Sarah Abner disse...

gostei da matéria! bom pra incrementar a criatividade na hora de fazer as compras pra viajar... ;o)

Anônimo disse...

http://www.bdmag.com/SMF/index.php?topic=48151.new#new filmulete porno romanesti http://www.malevolencewow.com/forums/showthread.php?p=1614315&posted=1#post1614315 cinetube peliculas porno http://welcometoearthnow.org/forum2/index.php?topic=14951.new#new anal porno gratis http://www.ddvrc.com/Forum/index.php?topic=11734.new#new dvd porno on line http://www.zivavoda.org/forum/index.php?topic=394525.new#new free porno web

Anônimo disse...

[url=crush-the-castle.com]Crush The Castle[/url]