quarta-feira, 28 de abril de 2010

Conquista na Pedra da Cara - Pancas

.
Pedra da Cara. Foto Baldin.


Aproximando-se da cidade de Pancas existe um portal natural de grandes proporções que recepciona quem passa pela rodovia, com a Pedra da Cara à esquerda e a Pedra do Camelo a direita. Uma recepção em grandíssimo estilo que impressiona qualquer montanhista que visite o local.


Tatu nos costões de aproximação.


Conquistar uma via na face de maior extensão da Pedra da Cara estava em meus planos desde a primeira vez que fui a Pancas. E quando subi (escalaminhada) o Camelo no ano passado, pude ter uma visão frontal e de cima, do que seria a linha perfeita para a escalada da Cara.

Nessa 2ª Trip em Pancas o objetivo pré planejado seria abrir essa via nessa montanha (que também permite acesso ao cume por caminhada), e nos outros dias que permaneceria por lá na companhia de Marcos Palhares 'Tatu', o que desse na télha para conquistar, investiríamos!


Baldin iniciando a conquista da primeira enfiada.


Em pleno dia 1º de Abril paramos o carro frente à pedra, entramos em um pequeno trecho de capim colonhão e já pegamos a sequência de subida pelos costões. O Fabinho (proprietário do sítio Cantinho do Céu / abrigo para montanhistas) estava conosco nesse trecho, e deu uma força para ajudar com o peso das tralhas morro acima.


Visual da via, com a cidade bem ao fundo.


Defrente para a aresta mais íngrime da Pedra da Cara, Tatu e eu nos jogamos para subir um trecho de 120m de escalada bem fácil, em solo... na volta avaliamos que o trecho ficou exposto para descer (principalmente em caso de chuva) e batemos duas chapas para permitir um rapel. Esse costão final deu acesso a um pequeno platô que marcou o que seria o início a via.


Aresta da via Face Oculta.


Comecei conquistando a primeira enfiada, esticando cheia em 60 metros batendo a parada. O trecho ficou só 2 chapeletas protegendo o esticão em uma escalada relativamente tranquila. E como já estava com os equipos à postos e na pilha, segui e conquistei a segunda enfiada no mesmo estilo, com só duas chapas intermediando outros 60m.

No momento em que batia a parada, um gavião de grande porte começou a dar uns rasantes bem assustadores em minha direção, preparando um ataque. Entre a escalada que fluia tranquila, confesso que isso foi o momento adrenante da conquista.


Tatu partindo para conquistar a ultima enfiada.


A parede parecia esta terminando. Motivado com a energia do lugar, Tatu se lançou para conquistar a terceira enfiada, batendo uma chapa no caminho e depois esticando até o cume, fechando o lance em 50 metros. Da parada uma breve caminhada levou-nos ao cume, onde pisamos as 14h marcando 4h de conquista da via Face Oculta, por 170 metros de escalada entre 3º e 4º grau.


Visual fantástico do cume.


Do cume pudemos contemplar um visual absurdamente espetacular e impactante. Estávamos cercados pelas três montanhas mais imponentes de Pancas: Agulha, Gaveta e Camelo. Uma escalada prazerosa e bonita, que fluíu com uma temperatura agradável, em um dia nublado em Pancas... será que isso seria realmente bom?


Sol e chuva, casamento de viúva.


Estávamos no cume, tranquilos e felizes, curtindo a energia da montanha quando, observamos uma grande tempestade vindo em nossa direção. A chuva veio se aproximando com grande rapidez, e naquele momento optamos em aclamar proteção à São Anoraque (o santo impermeável dos montanhistas) para que a chuva não nos atingisse.

E o santo é bão mesmo! Ficamos secos em nosso cume, e pudemos observar um verdadeiro espetáculo da natureza, com uma chuva torrencial caindo a nossa frente. Uma cena bonita, mas ao mesmo tempo tenebrosa, visto que estávamos ali como dois pára raios humanos. Mas a chuva se foi, não nos atingiu, e rapelamos sem nenhum problema.


Livro de Cume.


Abaixo segue um videozinho com alguns momentos da escalada. Feito com máquina fotógrafica mesmo, de forma tosca e quase nada de edição... só para caractizar em imagens dinâmicas.




Clique para ampliar o croqui.

5 comentários:

Luca disse...

aê Balds, finalmente postou sobre uma das conquistas heim...
num aguentava mais de curiosidade aqui! :#
Parabéns por mais essa via, tomara que eu consiga experimentar ela em breve! x)
abraço.

Anônimo disse...

Parabens aos escaladores Baldin e Tatu que com toda a vontade e dedicação conquistaram mais uma via em Pancas.

Abraço amigos.

Soldado.

Baldin disse...

Valeu ai parcerias!
Simbora pra lá repetir e conquistar.
Abração.

Jonnatas disse...

Pancas tem um potencial enorme no esporte e ecológico. Parabéns pela iniciativa Baldin. O Espirito Santo agradece!

Baldin disse...

Exatamentente Jonnatas, o potencial é enorme. É 'explorar' isso de forma consciente e preservacionista.
Obrigado pelo incentivo.