segunda-feira, 14 de março de 2011

Conquista da Pedra do Marimbondo - ES

.
A Pedra do Marimbondo é a que esta à frente, na direita.
Foto André Ilha.



Durante o feriado de Carnaval Sandro Souza e André Ilha conquistaram mais uma via nas montanhas de Águia Branca. Segue abaixo o relato feito pelo Sandro... e parabéns moçada por mais esta conquista.

André batendo o primeiro grampo da via. Foto Sandro Souza.


"Este foi o carnaval mais chuvoso que me lembro. Choveu no Rio, aqui no ES e em boa parte de MG. Triste coincidência, mas fazer o que? Paciência e resignação diante dos caprichos da natureza também são qualidades importantes para montanhistas.

Viajei para Águia Branca, fechando uma parceria com André Ilha. A trip vinha sendo planejada há um mês e tinha na mira uma enorme, e parcialmente desconhecida, montanha chamada Invejada; Um conjunto de três picos perto dos Três Pontões de Águia Branca, e umas boas opções de repetições de vias.

Chegado o feriado, perdemos tempo por conta do trânsito e do aguaceiro, até que segunda feira a chuva parou e partimos pra explorar a tal Invejada. A parede é muito imponente, mas estávamos interessados especificamente em montanhas ainda não escaladas, e nossos olhos buscaram linhas alternativas ao cume que algum cabra valente poderia já ter subido.

Assuntando aqui e rudiando ali, eliminamos as dúvidas. O cume era acessível por caminhada... Bem, fomos ao plano B.

Descemos o vale em direção aos Três Pontões de Águia Branca e logo antes do pontão médio viramos pra esquerda em direção ao outro conjunto de 3 montanhas. Seguindo o “protocolo de exploração” assuntamos com o povo e rodamos as pedras. Concluímos que o maior tinha acesso por trás e, como é comum na região, teve sua primeira ascensão motivada por um criador/caçador de cabritos atrás de um animal desgarrado. MAS.... a primeira montanha do conjunto era muito inclinada por todos os lados.

Com o auxílio do dono da terra, Seu Jovelino, abrimos a trilha curta até a base de um costão. Driblando duas caixas de marimbondo começamos a subir. Caminhamos até onde foi possível e nos equipamos num platô. A rocha tem agarras e abaulados e não é quebradiça. Avançamos rápido parando em macambiras (tipo de bromélia). Batemos 6 grampos de inox e mais um para duplicar a parada. Foram 65m de via. 3º III+. Da parada, caminhamos para o cume contornando pela direita uma matinha fechada e hostil. O cume é “limpo” e com vista privilegiada, com destaque aos pontões de Águia Branca. Deixamos livro de cume e não soltamos fogos.

A descida foi facilitada com duas cordas de 60m. Evitando as curvas da via, um rapel apenas nos deixou no platô inicial.

A via se chama Pérola Negra e a montanha é a Pedra do Marimbondo.

18°56'56"S - 40°39'48"O

A Pérola Negra é uma via tranquila , com acesso fácil, e cume lindíssimo, oferecendo uma boa opção para a região cheia de vias longas e que exigem maior comprometimento.

Depois dela exploramos mais as redondezas, mas voltamos mais cedo pra casa já cansados de esperar o fim das chuvas."

Sandro Souza


Os Três Pontões de Águia Branca observados do cume da Pedra do Marimbondo. Foto Sandro Souza.

.

Um comentário:

RgRfotografias disse...

Parabéns a essa galera!