JOGO RÁPIDO EM PANCAS


Escalar em Pancas é ter a certeza de ter visuais incríveis. Ghiany Loss na via Jogo Rápido. Foto Oswado Baldin.



Numa conquista, chegar em um cume com tempo sobrando é um caso raro... olha aí o resultado! rs. Foto Oswaldo Baldin.



Recentemente foi anunciado o início do Desafio Puro Montanhismo de Escalada Tradicional 10k, que tem como principal objetivo incentivar a prática da escalada tradicional no Brasil. A iniciativa foi do casal Natan e Michelle, que ao completarem esse "desafio pessoal" de escalar 10 mil metros de rocha em um ano, tiveram a ideia de propagar para os escaladores do brasilzão. Achei a proposta interessante, e resolvi entrar.

Comecei o desafio escalando a via "Café com Boi, 3º IVsup E3 D2" no último sábado com a Ghiany Loss. A Ghiany foi minha aluna do Curso Básico de Escalada na turma de Março, e já durante o curso se identificou com a escalada tradicional (no curso abordo também a esportiva). E quando ficou sabendo do Desafio resolveu entrar. Juntos, com essa escalada demos o pontapé com 580 metros dessa via, que transcorre por uma parede limpa da Pedra da Jabuticaba, rodeada por todos os lados por dezenas de montanhas de Águia Branca. Um detalhe à parte dessa via é de que não existem paradas duplas: você vai esticando corda e resolve onde quer montar sua parada, em grampo único.

Após a escalada pegamos estrada e fomos para o município vizinho Pancas. Lá encontramos alguns amigos escaladores que já estavam instalados e também acumulando metragens no Desafio: Sarah, Vitor, John e Lídia. Mais tarde chegaram Fred e Tesourinho, e com eles a missão 2 do final de semana estava fechada: conquista!


Caderno de cume provisório. Foto Oswaldo Baldin.

Em 2009 com o Marcos "Tatu" conquistei a Face Oculta na Pedra da Cara, que acabou se tornando uam via bastante almejada em pancas, e entrou no livro das 50 Clássicas do Brasil como uma das "representantes" capixabas. Em 2018 foi a vez de conquistar a "De Volta ao Jogo", numa outra ... da Cara, que como a sua vizinha Face Oculta, proporciona um visual de tirar o fôlego. Entre essas duas vias eu e o Tesourinho queríamos fechar a trilogia, e no último domingo isso aconteceu.

Subimos pelo costão





DICAS PARA REPETIÇÃO


  • É possível rapelar com somente 1 corda de 60 metros, pois existe paradas duplas intermediárias nas enfiadas.
  • Via toda em chapeletas - rapeláveis - Pingo da Bonier. Necessita de 6 costuras, e não precisa de nenhuma longa.




Comentários

Postagens mais visitadas